Notícia

18/04/2017

Atendimento diferenciado a vítimas de violência sexual é aprovado pela CCJ

Propositura protocolada com o número 711/17 e assinada pelo deputado Gustavo Sebba (PSDB) será encaminhada à análise do Plenário.

Foto: Marcos Kennedy/Alego

Foi aprovado pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) o projeto de lei que torna obrigatório o atendimento hospitalar diferenciado multidisciplinar à crianças e mulheres vítimas de violência sexual no âmbito do Estado de Goiás. A propositura, protocolada com o número 711/17, e assinada pelo deputado Gustavo Sebba (PSDB), será encaminhada à análise do Plenário.

Fonte: Agência de Notícias - Assembleia Legislativa do Estado de Goiás

Facebook

Twitter